Quinta-feira, 26 de Agosto de 2010

Um bocadinho do meu México, da minha Guatemala e do meu Belize

 

 

 

 

 

 

   Do México nunca quis saber, da Guatemala já tinha ouvido dizer que era linda e do Belize desconhecia tudo, inclusive que de um país se tratava. Toda a minha motivação para esta viagem se prendia com a Civilização Maia.

 

 

   Queria ver ruínas, espreitar pirâmides e perceber o que de tão especial envolvia essa civilização outrora tão importante. Do resto não esperava grande coisa. Não estava ansiosa pelas praias e sentia-me apreensiva com o elevado número de quilómetros que iria percorrer de autocarro. Talvez a excepção fosse mesmo o trekking no vulcão Pakaya, em erupção desde a década de 60 e os cenotes que de tanto falara aos meus alunos nas últimas semanas de aulas.

 

 

   Como balanço destas semanas posso dizer que o México que visitei (Iucatão e Chiapas) é uma espécie de paraíso com praias de água muito quente e cidades lindas de cores vibrantes, que a Guatemala possui uma beleza natural que desconhecia totalmente e que o Belize é um país que se estranha e depois se entranha.

 

 

   Das praias do México já toda a gente ouviu falar. Dizem que a água é azul e quente e o areal é fino e cheio de coqueiros que ajudam a amenizar o calor. Tudo isso é verdade e por isso mesmo não vou sequer mencionar a frustração que senti ao querer refrescar-me com um banho de mar ou de piscina e não conseguir. Do Belize esperava encontrar também praias fantásticas, talvez melhores que as mexicanas e como tudo isso é mentira, não vou sequer mencionar a frustração que senti ao constatar que os areais e as zonas balneares simplesmente não existiam. Claro que como compensação, sei que alguns autóctones de rastas no cabelo e com falta de alguns dentes ficaram a amar estas portuguesas das “big maletas”.  Também não irei falar de todos os momentos mais difíceis vividos na Guatemala, onde os deslizamentos de terra são constantes e nos obrigam a horas de espera nas estradas ou a recorrer a soluções marcadas por uma grande dose de improviso.  Falarei sim, de como foi fantástico visitar os vestígios da Civilização Maia e como o contacto com a Natureza me deixou deslumbrada.

 

 

 

 

I – Descobrindo a Civilização Maia

 

 

   Tinha a certeza absoluta que iria gostar de tudo o que envolvesse a cultura Maia e por isso sabia que as ruínas que iria visitar culminariam em experiências magníficas. Comecei o meu périplo por Chichen Itzá – de facto magníficas, mas ainda assim as menos espectaculares – e continuei por Uxmal, Palenque, Tikal – as mais fantásticas – terminando em Tulum.

 

 

   As ruínas estão por todo lado, e mesmo quando elas não existem as referências Maias existem associadas a esses locais. É o caso do Canyon de Sumidero onde milhares de Maias se suicidaram atirando-se ao rio preferindo morrer dessa forma a serem capturados pelos espanhóis.

 

 

   O cenário ainda é mais maravilhoso quando se pensa que tudo isto está, quase sempre, rodeado por uma floresta densa cheia de vida.

 

 

 

II – Eu “dentro do BBC Vida Selvagem”

 

 

 

 

   Mas a grande surpresa foi sem dúvida a vida natural desses países.  E quando falo em surpresa, refiro-me ao facto de tudo aquilo que vemos nos documentários sobre a Natureza existir mesmo. Tive a oportunidade de verificar que:

 

 

           - a Floresta Tropical é tão densa que não é necessário erguer muros de delimitação das propriedades;

 

 

           - os mosquitos e outros insectos nos atacam sem dó nem piedade;

 

 

           - existem mesmo tarântulas nas florestas;

 

 

           - as iguanas estão por todo o lado;

 

 

           - os crocodilos são muito grandes e têm um ar assustador;

 

 

           - os caranguejos nos assustam à noite pois conseguem atravessar uma ilha de ponta a ponta;

 

 

          - o equivalente às lagartixas em Portugal são pequenos lagartos “nojentos”;

 

 

          - as baratas no Belize têm o triplo do tamanho das baratas algarvias (dou graças a Deus por não a ter visto e por as minhas amigas a terem conseguido tirar do quarto).

  

   Como experiência impossível de esquecer fica o trekking no vulcão Pakaya e o snorkling no Belize.  No primeiro, apesar de não ter visto lava (desde a erupção de Maio que a lava está muito profunda), pude sentir o calor por ela emanada e ver aquilo de que um vulcão é capaz de fazer.  Da segunda ficam-me tanto boas como má recordações; atravessei um recife de coral verificando que afinal os documentários que via do Jacques Cousteau quando era miúda são reais; nadei com raias e tubarões (que eram vegetarianos) e só não vi os manatins porque fui picada por uma medusa e tive de voltar para o barco onde estive algumas horas a agonizar com dores.

 

    Ah, e sobrevivi às várias longas viagens de autocarro (claro, que com a ajuda de fármacos - é o meu problema com a droga, já sabem! ahahahahah )

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

tags: , ,
publicado por Veruska às 00:59

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De sweet-moments a 24 de Janeiro de 2011 às 15:49
Hummmmm.... locais que apetecem sempre.
Continue e não deixe de partilhar.
Boa semana.

Comentar post

.eu

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.últimos reflexos

. ...

. O poder da publicidade......

. Que coisa estúpida... ou ...

. ...

. ...

. ...

. Concentração motard de Fa...

. ...

. ...

. ...

.caixa de Pandora

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Uma experiência quase cie...

. Os vossos favoritos

.links

.espreitadelas

Contador grátis
Link

.mais comentados

blogs SAPO

.subscrever feeds