Segunda-feira, 2 de Abril de 2012

Publicidade comparativa... ou como o "consumidor médio" julga que uma gasosa "tem magnetismo"


 

 

Lembro-me da altura em que a televisão era apenas a preto e branco. Nesse tempo a televisão chegava até nós pelas chamadas ondas hertzianas, conceito que para mim, na altura, era totalmente abstracto.

 

Várias décadas depois, já em poucas situações a televisão chega até nós por ondas hertzianas mas, tal como no passado, a ignorância sobre a tecnologia que nos permite ver os nossos programas preferidos, continua a ser desconhecido pela maioria das pessoas.

 

É a pensar no consumidor, que o Institudo Civil de Autodisciplina da Comunicação Comercial (ICAP) obrigou a que fosse suspensa a campanha de publicidade da “Meo Fibra”. Esta deliberação vem na sequência da queixa apresentada pela Optimus que considera que essa campanha “ofende os normativos ético-legais em vigor em matéria de veracidade e de livre e leal concorrência, neste caso, em sede de regulação de práticas de publicidade”.

 

Nesta acção publicitária, a “Meo” desenrola um encenado teste de rua em que populares identificam a fibra óptica pela qual o serviço de televisão é prestado em oposição a uma gasosa. Para mim, tal comparação não passa de uma situação impregnada de comicidade e jamais acharia que um refrigerante seria um meio de teledifusão.

 

Mas o ICAP não pensou desta maneira e considerou que “a comunicação comercial da responsabilidade da PT é susceptível de induzir o consumidor médio em erro, consusbtanciando, assim, uma prática de publicidade enganosa”. Muitos comentários poderiam ser feitos, mas aquele que mais assoma a minha mente é “que um consumidor médio poderá ser enganado”...

 

publicado por Veruska às 23:14

link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Tio do Algarve a 6 de Abril de 2012 às 23:41
Acho ridícula esta pseudo protecção dos consumidores! Há por situações que deviam ser proibidas e ninguém se importa...

Fazem de nós palermas! E lembra a alguém esse instituto?
De Veruska a 8 de Abril de 2012 às 23:50
Toda esta situação parece anedota, a começar pela nome da entidade.

Mas o mais incrível é que não se falou disto na televisão.

É um escândalo com um cheirinho a "censura" e ninguém fala nisso!!!?????

Comentar post

.eu

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.últimos reflexos

. ...

. O poder da publicidade......

. Que coisa estúpida... ou ...

. ...

. ...

. ...

. Concentração motard de Fa...

. ...

. ...

. ...

.caixa de Pandora

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Uma experiência quase cie...

. Os vossos favoritos

.links

.espreitadelas

Contador grátis
Link

.mais comentados

blogs SAPO

.subscrever feeds