Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2009

Eu consumo marcas brancas... ou será que são elas que me consomem a mim?

 

Os tempos são de crise e mesmo que eles não o fossem, provavelmente eu optaria por comprar muitos dos meus produtos de consumo das chamadas marcas brancas. Estes produtos são mais baratos do que os de marca e têm de ter qualidade igual ou superior ao líder de mercado. É por isso que compro sempre os produtos de limpeza, algumas mercearias, alguns frescos e alguns produtos de higiene deste tipo.
 
Desconheço todas as envolventes deste negócio, mas acredito que este tipo de abordagem comercial se está a generalizar e neste momento é muito mais abrangente do que o universo dos produtos para o lar. Uma das áreas com enorme potencial de desenvolvimento prende-se com o tipo de homens que actualmente se encontram disponíveis para relacionamento amorosos.
           
            Estes homens de marca branca aparentemente são iguais ou melhores do que os seus colegas de marcas comerciais: vestem roupa que os favorecem, possuem carro próprio, são avistados em cinemas, bares e discotecas e até incluem nas suas rotinas diárias a actividade física que os mantêm sãos e bonitos.  Mas ao contrário das marcas brancas de qualidade, possuem incorrecções que os tornam um produto defeituoso indesejável para qualquer consumidora mais exigente.
 
            Estas irregularidades incluem a falta de inscrições obrigatórias, a não especificação das condições de conservação, a falta de algumas indicações quantitativas, a não informação do prazo de validade e a denominação incorrecta de venda. Veja-se cada uma delas em detalhe:
 
Não especificação das condições de conservação
 
Para que a sã convivência entre os dois géneros seja pacífica, é importante conhecer em detalhe quais os produtos de cosmética utilizados por este homem de marca branca. Não há nada de mais constrangedor do que perceber que o parceiro é quem necessita de mais espaço de casa-de-banho para guardar os seus cremes, champôs, bálsamos…E se a maquilhagem estiver presente entre as suas coisas, então aí a incorrecção ainda é mais grave.
 
Falta de algumas indicações quantitativas
 
Este item prende-se com o desconhecimento de alguns dados pessoais e passíveis de quantificação como por exemplo o estado civil, a idade, as reais motivações das acções que desenvolve. Com frequência homens cujo único relacionamento que envolve intimidade é com a sua mãe, tentam ardilosamente convencer alguma mulher menos cautelosa de que adorariam que esta fosse a mãe dos seus filhos.
 
Não informação do prazo de validade
 
            Apesar de o prazo de validade de um homem de marca branca não ser muito relevante uma vez que a sua durabilidade é muito grande, é importante estabelecer limites bem definidos no tempo para que toda o possível envolvimento romântico não se arraste infinitamente de forma indefinida.
 
Denominação incorrecta de venda
 
            Muitos destes homens são catalogados como heterossexuais metrossexuais quando na realidade a única verdade é apenas a que está relacionada com a sua metrossexualidade.
 
Como conselho, acentuo a necessidade de procurar fazer escolhas acertada e nunca deixar para segundo plano dados aparentemente insignificantes mas de extrema importância na qualidade do produto final.
publicado por Veruska às 00:06

link do post | favorito
De brilhosinhos a 10 de Fevereiro de 2009 às 09:54
Adorei o teu post. Está mesmo muito engraçado. Parabéns.

Brilhosinhos
De Veruska a 10 de Fevereiro de 2009 às 10:02
Obrigada! Também costumo gostar muito dos teus. eheheheh
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



.eu

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.últimos reflexos

. ...

. O poder da publicidade......

. Que coisa estúpida... ou ...

. ...

. ...

. ...

. Concentração motard de Fa...

. ...

. ...

. ...

.caixa de Pandora

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Uma experiência quase cie...

. Os vossos favoritos

.links

.mais comentados

blogs SAPO

.subscrever feeds